engraçado

sempre achei muito engraçado como as pessoas simplesmente te julgam como o fazem quando vao numa livraria e olham e livro e dizem: nao presta.

um dia eu tava desabafando com um doido colega de clínica, bipolar como eu, sobre minha situaçao que nao é das melhores nessas condiçoes atuais: mae solteira. e, no meio da conversa, ele me solta um: você também, hein, mó piranha!

engraçado. o cara já transou com uma piranha na frente da irmã dele, ele se orgulha disso como se comer alguém na frente do irmao fosse a coisa mais louca e bacana do mundo, tenta levar a namorada que o visita numa boa pra cama da clínica (sabe que isso é proibido) e ainda tem a cara de pau de me chamar de piranha.

sou piranha? tudo bem. posso até ser tachada disso. em momento algum eu assinei contrato de castidade com o pai do meu filho nem com mais ninguém. quem ele [o doido] pensa que é pra me dar liçao de moral? ele é o doido bipolar tarado que foi internado pela família porque na nossa sociedade muito da puritana hipócrita, tarado como ele e eu nao tem vez.

simples.

saldo: GANHEI DE VIRADA. MUITO POSITIVO.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s